Porto Seguro | Bahia

  
Dia da Árvore 21.09.2013 - Monte Pascoal dos Pataxós
Em 1960 o governo transformou 22.500 hectáres de terras ocupadas tradicionalmente pelos Pataxós, em unicades de conservação para o Parque Nacional de Monte Pascoal. Os Pataxós foram violentamente expulsados.

Em 1999, numerosos indígenas Pataxós se encaminharon ao pé do monte, aonde declararam que o 'Monte Pascoal é dos Pataxós!' e retomaram seu território para transforma-lo em Parque Indígena, terra dos Paraxós, para uma preservação integral.


Nos últimos decenios, uma empresa multinacional de plantações de eucalipto invade as terras dos Pataxó no Sul da Bahía e Monte Pascoal, poluindo os rios, dessecando solos e nascentes, comprometendo a qualidade das aguas potaveis e a vida na região, provocando o fim da biodiversidade, o éxodo rural e a disperção das comunidades.

"O povo indígena Pataxó exige o fim da monocultura do eucalipto ou outra monocultura nas nossas terras e reafirmamos nosso compromisso na defesa do meio ambiente e autogestão do nosso territorio.

Exigimos a demarcação imediata do nosso territorio como área continua, respeitando nossos direitos históricos"

Aldeia Indigena Pataxo Xandó ( Porto Seguro ) - Bahia - Brasil
Praias da Costa do Descobrimento: Caraíva | Praia do Espelho | Trancoso | Corumbau

Aldeia Xandó